BLOG

Processo de extração de óleo e gás: Entenda como funciona

Talvez você já tenha ouvido falar em extração de óleo e gás, não é mesmo? O processo de extração do petróleo e do gás é algo variável, ou seja, acontece de acordo com a profundidade em que o material se encontra. Desta forma, considera-se que ele pode estar nas primeiras camadas do solo, ou até em milhares de metros abaixo do nível do mar.

Com relação a este procedimento: você sabe como ele funciona? É o que vamos explicar no post de hoje. Continue nos acompanhando para saber um pouco mais sobre este assunto.

Como funciona a extração?

Antes da extração de óleo e gás, são necessários dois passos básicos, sendo eles a prospecção e a perfuração.

Prospecção

Na prospecção, é realizada a localização de bacias sedimentares, por meio de análises detalhadas do solo e subsolo. As condições e localizações destas bacias sedimentares, na superfície, são obtidas através de equipamentos como gravímetros, magnetômetros, farejadores e sismólogos.

Perfuração

Já na fase de perfuração, são descobertas jazidas de petróleo, além da realização de marcações com coordenadas GPS e boias marcadoras, que são posicionadas sobre a água do mar.

Quando a análise é no solo, primeiro é feita a perfuração de um poço, levando em consideração: os demais poços, o momento em que o petróleo é identificado, e quando a extração é avaliada como viável, economicamente falando.

Para essas perfurações, feitas em terra, são utilizadas sondas de perfuração, enquanto no mar são feitas através de plataformas marítimas.

A fase de extração

Por fim, chegamos à fase de extração, onde o petróleo é encontrado acima da água salgada, contando com uma grossa camada de alta pressão, logo abaixo. Isso ocorre após a perfuração do poço, quando o petróleo pode jorrar até a superfície, graças a pressão do gás, que diminui o bombardeamento do óleo para a superfície, e garante que o material seja extraído com segurança total, através de bombas e equipamentos especiais.

Como funciona a extração?

O Brasil possui uma estimativa crescente no ramo petrolífero. Assim, é cada vez mais esperado o desenvolvimento crescente deste segmento, considerando as bacias recém avaliadas e as novas plataformas adaptadas para este processo.

Gostou do conteúdo? Deixe um comentário e compartilhe em suas redes sociais!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *